FÉRIAS I - Filho de Yabá


Iemanjá me deu um salve
Das águas que envolvem a terra
Do útero de Onilé que protege
Do canto das Sereias beira mar
Das espumas de seu reino
Frágeis rendas da yabá.

Se sacode ao som do ijexá
No ir e vir das ondas do mar
Saudando a vida, dona das cabeças
Odoyá Iemanjá!

Grão de areia sou
Lá em som de concha
Menino do reino coral
Iemanjá sobá de Asdgba!

Sal seu me bronzeia
No toque dos raios de Olorum
E emergindo do reino além-mar
Canto das candeias e correntes
Das senhoras, dos navegantes
Filho sou de Yabá.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...